26 de fevereiro de 2014

Sardinhas assadas no forno

Quando era altura dela, grande, gorda, saborosa, comprei algumas doses e congelei directamente a -20ºC. Agora é só descongelar as doses necessárias, amanhar muito bem e cozinhar a gosto. Para quem gosta de sardinha é um regalo ter boa sardinha nesta altura do ano...

A sardinha no forno é uma alternativa fácil  e rápida; um petisco!

Para 2 doses

8 sardinhas grandes
1 cebola média
2 dentes de alho
Broa de milho q.b. (3 fatias)
1dl de azeite
1 gole de vinagre

Preaqueça o forno a 200ºC


Corte um dente de alho e a cebola às rodelas finas e cubra o fundo de um tabuleiro. Sobreponha as sardinhas e tempere de sal. Regue com 2/3 do azeite.

Leve a broa à picadora juntamente com o outro dente de alho e pique tudo grosseiramente. Cubra as sardinhas com a broa picada aromatizada com alho e regue com o restante azeite. Batize com um gole de vinagre.


Introduza no forno preaquecido a 200ºC e baixe a temperatura para 180ºC. Está pronto ao fim de 15 minutos.

Acompanhe com bata a murro.


16 de fevereiro de 2014

Bochechas de Porco Preto Confitadas

Desta vez resolvi confitar as bochechas de porco. O objectivo era experimentar fazê-las com o sabor alentejano do alho e do pimentão que utilizei na Perna de Porco Confitada.

Segui a receita da Perna de Porco Confitada para a mesma quantidade de bochechas de porco: 1,250kg. Não necessitam de estar tanto tempo ao lume como a perna de porco pois são mais tenras. Ficaram saborosíssimas


Para ampliar clique na imagem

Para o acompanhamento mantive a açorda com pão alentejano, mas servi os cogumelos de Paris salteados à parte. E para contrastar os sabores não dispensei um pouco de relish picante de cebola roxa.

É uma gulosa alternativa para fazer as bochechas de porco.